Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2011

As contradições das áreas econômica e social do Brasil nos dez anos de BRICS

Imagem
Nos últimos dez anos o Brasil é tido e havido como um país que vem assumindo a cada dia a sua condição de potência econômica. Mas até que ponto este otimismo é sentido pela grande maioria da população comum do nosso país, que não faz transações bancárias, não compra ações na Bolsa e não participa diretamente dos ganhos da economia? Havia um tempo em que as pessoas, confiantes no potencial do nosso país, bradavam que o Brasil era o país do futuro. No entanto, as promessas e as esperanças da era pós-ditadura-civil-militar pareceram se dissolver em pessimismo, com a desastrosa década de 90, que começou com o fim do mandato do governo Sarney, cuja política econômica legou uma inflação estratosférica que tirava o poder de compra do brasileiro em questão de horas. A seguir veio o governo corrupto de Collor de Mello, impedido pelo Congresso e substituído pelo governo-tampão de Itamar Franco, antes da chegada da onda neoliberal comandada por Fernando Henrique Cardoso. Este, se por um

A psicologia e o perigo das bombas e fogos de artifício natalinos

Imagem
  Você deixaria seu filho brincar com uma granada? Certamente que não . No entanto, milhares de pais no Brasil não tomam conhecimento de que seus filhos compram explosivos com poder de destruição equivalente .Todos os anos são contabilizadas dezenas de vítimas das bombas e dos fogos de artifício , que ficam cegas, queimadas e mutiladas, um problema que não chama a atenção das autoridades.   O que leva uma pessoa a comprar um artefato cuja única função é explodir e fazer enorme barulho? É uma das coisas difíceis de compreender da psicologia humana. Desde tempos remotos os homens digladiam entre si, seja por comida, por território, por acasalamento, entre outras coisas. Com o tempo, nós fomos capazes de criar armas cada vez mais letais, que desde então vêm se aperfeiçoando no poder de fogo e de destruição. O ápice dessa corrida armamentista foi a bomba atômica , lançada nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki em 1945. As bombas sempre foram associadas ao poder e a intimidação