Panorâmica Social

Denúncia das injustiças da plutocracia brasileira e mundial

18 de junho de 2014

Modo latino-americano de torcer

Torcedores chilenos presosAs pessoas andam perdendo mesmo o equilíbrio hoje em dia. Tudo é assim, ou preto, ou branco, não tem mais um meio-termo. Ainda mais quando o assunto é futebol com elementos de política envolvidos…

Hoje 88 chilenos foram presos depois de invadir o estádio do Maracanã através da área destinada à imprensa antes do jogo Espanha e Chile e podem ser deportados a qualquer momento. Foi o suficiente para diversos críticos brasileiros defenderem nossos vizinhos sul-americanos, porque se opõem à organização do evento e acham legítimo o “ato político”. 

Eu também me oponho e muito à forma como essa Copa foi realizada, e acho que a torcida brasileira almofadinha de classe média não sabe torcer nos estádios. Também acho que essa Copa não foi feita pra todo mundo, mas nem por isso eu vou achar bonito um bando de tresloucados chilenos invadindo o Maracanã como uma horda de hunos porque "é assim que se torce na América Latina!!".

Pra mim isso não é modelo de torcida. A festa que eles fazem nos estádios sim, é muito bonita e empolgante, mas tudo que extrapola a isso merece ser condenado. Ou será que essas pessoas também acham que rojão, pedrada e sapatada na cabeça é uma linda e legítima forma latino-americana de torcer?

Que eles dão de mil em entusiasmo nos nossos coxinhas com seus cânticos e sua empolgação eu concordo, mas temos que saber separar as coisas. É possível criticar a insossa torcida brasileira sem ter que apoiar esse tipo de comportamento repreensível dos estrangeiros. Isso daqui não é casa da mãe joana. É só imaginar um grupo de brasileiros sem ingressos invadindo o estádio de Wembley em plena realização de uma Copa do Mundo. Claro que não.

7 comentários:

  1. Sou apaixonada por tudo que vem da Rússia, o idioma, sua história, só faltava saber mais sobre o hino.
    Muito bom mesmo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, A Rússia é mesmo um grande país, repleto de histórias interessantes. Fico feliz que tenha gostado.Um grande abraço!

      Excluir
  2. O q eles fizeram foi de uma imensa imbecilidade, seja aqui, no Chile, no Japão ou na Croácia! Deviam não só serem deportados, mas também pagar pelo q destruíram!

    ResponderExcluir
  3. Gilberto de Oliveira14 de julho de 2014 19:31

    Olá,O seu texto sobre a historia da africa é explendido,esclarece perfeitamente o atraso social e economico do continente africano,seria muito bom se todos os idiotas preconceituosos e desinformados pudessem lelo,assim deixariam de falar bobagens sobre nossa terra mãe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gilberto, Fico muito feliz que tenha gostado e deixado aqui a sua opinião. Obrigado e volte sempre que quiser!

      Excluir
  4. Olá Almir, gostei realmente do texto, foi esclarecedor e trouxe fatos que eu ainda não conhecia tão a fundo mas, por um lado, eu pode perceber que o capitalismo financia a guerra civil dos dois lados, ora fornecendo armas aos rebeldes ora aos ditadores no poder. Minha conclusão é: os africanos estão em guerra civil por que optam, logo a responsabilidade pela desgraça africana é dos próprios nativos, como diz Weber "o individuo é quem influencia a sociedade. O que acha?

    ResponderExcluir
  5. Olá Bruno Peres, obrigado pela participação.
    De certa forma sim, a guerra civil não deixa de ser uma opção.
    Mas por outro lado, podemos deixar de lado todo o contexto sociopolítico e histórico que é a raiz desses conflitos? O que eu quero dizer é: a epidêmica guerra civil nos países africanos seriam tão duradouros e violentos, se não servissem aos propósitos de terceiros?
    É uma reflexão que devemos fazer.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir

Leia nossos Termos de Uso