Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2011

32 anos da Lei de Anistia

Imagem
Na mesma semana em que a Anistia Internacional pediu que a presidenta Dilma Rousseff simplesmente a revogue, a Lei da Anistia completa 32 anos sob um clima de contestação. A princípio, com a finalidade de ser o primeiro marco legal da transição democrática no Brasil, serviu para acobertar diversos criminosos de farda a serviço da Ditadura. Cada vez mais a sociedade exige que ela seja revista.

Neste domingo (28/8), completaram-se 32 anos da lei 6.683, mais conhecida como “Lei de Anistia”. Promulgada em 1979 pelo então presidente da ditadura civil-militar, João Baptista Figueiredo, ela tinha por finalidade perdoar de quaisquer sanções os exilados e perseguidos políticos do regime militar, depois de anos de severa e cruel perseguição, tortura e morte, dentro do projeto de abertura política lenta, gradual e segura. Mas, malandramente, com medo de revanchismos, os militares trataram de se proteger juridicamente, dando um jeito de colocar a si mesmos, algozes torturadores, como beneficiár…

Você tem alguma ideia do que seja 114,5 trilhões de dólares em dívida?

Imagem
Esse é o valor do montante do passivo a descoberto* dos Estados Unidos. Recentemente o mundo entrou em pânico ante a possibilidade do calote americano na dívida pública, mas a negociação no Congresso elevou o teto da dívida, salvando momentaneamente a economia mundial da bancarrota. Mas existe a possibilidade de algum país desse mundo conseguir pagar o montante de 114,5 trilhões de dólares algum dia? O sítio usdebt.kleptocracy.us preparou uma série de ilustrações para termos uma ideia clara do que significa tanto dinheiro.

100 Dólares:a nota mais falsificada do planeta. Mantém o mundo em movimento. 10 mil dólares: é o suficiente para boas férias ou para comprar um carro usado. Aproximadamente um ano de trabalho para a média da população mundial. 1 milhão de dólares: não é uma pilha tão grande quanto você imaginava, não é? Mesmo assim corresponde a 92 anos de trabalho para a média da população mundial.


100 milhões de dólares: o bastante para distribuir ao redor para muita gente. Ainda dá…

Por que o Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa não “pega” em Portugal?

Imagem
Dizem que no Brasil, certas leis “pegam” e outras não. Ao que parece, podemos dizer o mesmo com relação ao Acordo Ortográfico, só que em Portugal. O projeto, que tem também o seu viés político e não apenas linguístico, tem críticos de ambos os lados do Atlântico, mas os portugueses apresentam razões muito mais conservadoras e anacrônicas para não apoiarem o acordo. No processo de Independência do Brasil, foi preciso criar os fundamentos da nação brasileira, tal como a noção de pertencimento a uma coletividade nacional, a bandeira, o hino, a literatura em comum e, é claro, a língua. Precisando se distanciar de seu passado português, o Brasil jamais se sujeitou às normas ortográficas portuguesas, preferindo criar as suas próprias. Com o tempo isso deu origem ao “português brasileiro” que temos hoje, e houveram algumas tentativas frustradas de acordo com os lusitanos, como a de 1911, e de 1945, mas nenhuma delas foi tão ampla e consensual como este de 1990. Em 2009, o Acordo entrou em vi…