Postagens

Mostrando postagens de 2011

As contradições das áreas econômica e social do Brasil nos dez anos de BRICS

Imagem
Nos últimos dez anos o Brasil é tido e havido como um país que vem assumindo a cada dia a sua condição de potência econômica. Mas até que ponto este otimismo é sentido pela grande maioria da população comum do nosso país, que não faz transações bancárias, não compra ações na Bolsa e não participa diretamente dos ganhos da economia?

Havia um tempo em que as pessoas, confiantes no potencial do nosso país, bradavam que o Brasil era o país do futuro. No entanto, as promessas e as esperanças da era pós-ditadura-civil-militar pareceram se dissolver em pessimismo, com a desastrosa década de 90, que começou com o fim do mandato do governo Sarney, cuja política econômica legou uma inflação estratosférica que tirava o poder de compra do brasileiro em questão de horas. A seguir veio o governo corrupto de Collor de Mello, impedido pelo Congresso e substituído pelo governo-tampão de Itamar Franco, antes da chegada da onda neoliberal comandada por Fernando Henrique Cardoso. Este, se por um lado, …

A psicologia e o perigo das bombas e fogos de artifício natalinos

Imagem
Você deixaria seu filho brincar com uma granada? Certamente que não. No entanto, milhares de pais no Brasil não tomam conhecimento de que seus filhos compram explosivos com poder de destruição equivalente.Todos os anos são contabilizadas dezenas de vítimas das bombas e dos fogos de artifício, que ficam cegas, queimadas e mutiladas, um problema que não chama a atenção das autoridades. O que leva uma pessoa a comprar um artefato cuja única função é explodir e fazer enorme barulho? É uma das coisas difíceis de compreender da psicologia humana. Desde tempos remotos os homens digladiam entre si, seja por comida, por território, por acasalamento, entre outras coisas. Com o tempo, nós fomos capazes de criar armas cada vez mais letais, que desde então vêm se aperfeiçoando no poder de fogo e de destruição. O ápice dessa corrida armamentista foi a bomba atômica, lançada nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki em 1945.

As bombas sempre foram associadas ao poder e a intimidação. A explosão, o…

Pela primeira vez, Brasil poderá ter imposto sobre fortunas para financiar a Saúde Pública.

Imagem
Você está cansado de pagar impostos? Você tem razão. O Brasil é o país onde a carga tributária é uma das mais pesadas no mundo. Mas os ricos até pouco tempo não contribuíam proporcionalmente à sua renda, ficando livre de grandes impostos sobre a fortuna. Mas isso está prestes a acabar.

Todo mundo sabe que a Saúde Pública no Brasil vai de mal a pior. Quem precisa de atendimento nas emergências e nos postos de saúde sabe muito bem o que é passar um inferno em busca de atendimento. Pra piorar, o Ministério da Saúde acaba de informar que existe a estimativa de que 1 milhão de brasileiros tenham algum tipo de câncer nos próximos dois anos — e é justamente nos hospitais públicos de alta complexidade que estas pessoas recorrerão. Para arcar com os custeios de toda essa demanda, o governo está propondo a criação de alguns impostos — e isso já começa a causar alvoroço entre alguns setores da burguesia brasileira. A classe média brasileira está tão impregnada da ideologia das elites, está tã…

Cinegrafista foi vítima do jornalismo-espetáculo da imprensa brasileira

Imagem
Nesse domingo passado (6/11) aconteceu aquilo que mais cedo ou mais tarde era esperado: um cinegrafista morreu na cobertura de uma ação policial no Rio de Janeiro. A cada ano que se passava, os jornalistas estavam mais envolvidos nas operações, participando ao vivo direto do confronto. Agora, com a morte de Gelson Domingos, emissoras e órgãos representativos de jornalistas prometem rever esse tipo de cobertura.

A tendência de levar o telespectador para dentro dos acontecimentos começou na terra do show business. Nos Estados Unidos, grandes tragédias naturais, perseguições policiais e guerras são cenários perfeitos para repórteres eloquentes e sensacionalistas prenderem a atenção dos telespectadores ávidos pelo jornalismo de espetáculo. Essa tendência foi levada à Guerra do Golfo pela CNN em 1991, seguidas por outras redes como a ABC. Na Guerra do Iraque em 2003, os bombardeios às cidades iraquianas eram aguardados com grande expectativa por câmeras estrategicamente localizadas para m…

O político brasileiro que se tratou no hospital público

Imagem
Nesses tempos em que as pessoas sugerem a políticos que se tratem de suas doenças em hospitais públicos para verem o que é bom pra tosse, o que elas pensariam se soubessem que um deles realmente tivesse feito isso? Diriam “ah, você está brincando não é? Político brasileiro se tratando em hospital público? Conta outra...”. Pois foi exatamente isso o que fez o sociólogo e deputado Florestan Fernandes. Hoje em dia há uma campanha pelas redes sociais pedindo para que Lula, diagnosticado com um tumor na laringe, faça o tratamento pelo SUS. Demagogias ou sinceridades à parte, o fato é que o sistema público de saúde no Brasil é uma vergonha, que não serviria nem para tratar de gado, quanto mais de seres humanos. Há 16 anos atrás, quando o governo neoliberal de FHC sucateou todo o serviço público em nome do estado mínimo (nessa época órgãos de imprensa, engajados no projeto neoliberal, passaram a diminuir o Estado até no nome, grafando-o com “e” minúsculo), a coisa era ainda mais alarmante.…

Sete bilhões de bocas para alimentar

No dia 31 de outubro de 2011, conforme noticiado em todo o mundo, chegamos à marca de 7 bilhões de pessoas no planeta. Está achando muito? Na época os debates causavam grande alarde, levantavam possibilidade de catástrofe e guerras, ressuscitavam teorias malthusianas, um cenário terrível para o futuro. Pois saiba que em 2050 seremos 9 bilhões, e a primeira preocupação que surge é: como alimentar tantos seres humanos? Será que vai faltar comida?Se hoje já existem 1 bilhão de pessoas famintas no mundo — você há de pensar — o que será daqui a 40 anos, com 9 bilhões de pessoas? Pois fique você sabendo que hoje o planeta já seria capaz de alimentar todo esse contingente de pessoas e muito bem. Segundo documentário de Silvio Tendler, (O veneno está na mesa), hoje produzimos três vezes mais comida do que somos capazes de consumir. Então onde está o problema?Má distribuição e desperdícioÉ fácil deduzir: primeiro, o problema está principalmente no sistema econômico mundial, que permite que haj…

Cristina Kirchner e a democracia na América Latina

Mais uma vez um país sul-americano dirá “não” ao modelo neoliberal que fracassou na região e em todo lugar, conforme podemos atestar nas recentes manifestações contra o capitalismo mundo afora. Cristina Kirchner será reeleita na Argentina e consolidará um projeto alternativo para o país, seguindo a tendência da América do Sul nos últimos anos. Terminado o período de eleição na Argentina neste domingo, e para desespero dos conservadores de direita do país e da América Latina, podemos dizer que a presidente Cristina Kirchner será reeleita já no primeiro turno. O resultado é sintomático e representa a consolidação do modelo centro-esquerdista na América do Sul e uma derrota acachapante para a direita política argentina. Juntos, Cristina e o segundo colocado, o candidato socialista Hermes Binner conseguirão os votos de 70 a 75 por cento do eleitorado. O povo argentino não esquece a crise terrível produzida pelo governo neoliberal de Carlos Menem tempos atrás e não a quer de volta.

Direita …

Por que a pequena corrupção do dia a dia não justifica a grande corrupção política

Imagem
Essa é, sem sombra de dúvidas, a temática mais em voga na política nacional: corrupção. Aliás, não é de hoje que a mídia trata do tema com uma certa persistência, sem, no entanto, apontar claramente os caminhos possíveis para amenizar esse problema. Talvez porque seja conveniente tratar a corrupção superficialmente, como forma de jogar uma cortina de fumaça em nossas visões, para que não enxerguemos outras questões mais profundas e dramáticas da sociedade brasileira, como a desigualdade social, ou a sonegação de impostos dos ricos, como alegamos aqui em “Corrupção como distração de problemas maiores”. Além disso, a mídia nacional, bem como a própria Justiça, têm o hábito estranho de tratar casos de grande corrupção política no Brasil com pesos diferentes, dependendo se o político ou o partido em questão são de sua predileção ou não. Só isso pode explicar o fato de alguns governos, como o tucano, ter estado envolvido em dezenas de casos escandalosos desde 1994, pelo menos, e ainda assi…

Educação, royalties e petróleo

Imagem
Desde 2000 e a cada três anos o Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA, na sigla em inglês) se propõe a avaliar o desempenho de estudantes do mundo todo de forma comparada, a partir do 8º ano letivo. Esse programa é desenvolvido e coordenado internacionalmente pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e o Brasil sempre figura nas piores colocações. Enquanto outros países crescem, nós afundamos na Educação. Por quê? A avaliação do PISA de 2009 já foi assunto aqui no Panorâmica Social, (Mau desempenho de alunos brasileiros é entrave para o crescimento do país) mas nos interessa saber o que vem sendo feito para melhorar nossa situação, além de ver qual o motivo do sucesso dos líderes do ranking. Podemos ver no quadro abaixo que países como Coreia do Sul, Finlândia e China estão sempre acima da média em ciências, leitura e matemática — as três áreas avaliadas. Qual será o segredo delas? Um documento do próprio Ministério da Educação da Finlândia aju…

Notícias de uma Revolução Invisível

Imagem
Uma revolução silenciosa, mas que cresce a cada dia, vem tomando lugar nos Estados Unidos. Cansados de sofrer as consequências das sucessivas crises do capitalismo, enquanto assistem os ricos ficarem mais ricos, a população comum, jovens, em sua maioria, sem ligação com nenhum partido, resolveu se unir para protestar no centro financeiro mundial. Pode ser o começo de uma grande revolução na maior nação capitalista do mundo.
A população que mora no país das oportunidades não acredita mais no sonho americano. Há 11 dias seguidos, manifestantes ocupam as ruas de Wall Street, em Nova Iorque, para protestar. A imprensa brasileira finge ignorar as razões do movimento. No sítio d’O Globo na internet, uma busca pelo termo Occupy Wall Street (“Ocupe Wall Street”, nome do movimento) dá resultado zero. Digitar apenas “Wall Street” dá 400 resultados mas a maioria é nestes termos: “Ibovespa volta a subir com melhora em Wall Street”, ou “'The Wall Street Journal' lança aplicativo para Fac…

Faça como Edmundo. Cometa um crime e se beneficie da Justiça

Imagem
Existem vários e vários exemplos de como criminosos (dolosos ou culposos) conseguem escapar da justiça através de artimanhas jurídicas. A mais conhecida delas é arrastar o processo ad infinitum — coisa que advogados de má-índole sabem fazer muito bem — até que, um belo dia, o réu tenha "extinta a sua punibilidade" por conta da prescrição do alegado crime. O mais novo beneficiado deste artifício sem-vergonha é o ex-jogador e hoje comentarista Edmundo. Em 1999 o jogador foi condenado a 4 anos e meio em regime semi-aberto por homicídio culposo de três pessoas e lesão corporal de outras três, por conta do grave acidente automobilístico em que se envolveu enquanto dirigia seu carro na Lagoa Rodrigo de Freitas. Cansado de enrolações judiciais, o juiz Carlos Eduardo Carvalho de Figueiredo, da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro, expediu o mandado de prisão contra Edmundo em junho deste ano, mas o ex-jogador foi solto no dia seguinte por conta de um desses famigerados habea…

Incentivo à leitura está na pauta do governo brasileiro

Imagem
Começou a Bienal do Livro no Rio de Janeiro, com discurso de abertura da presidente Dilma Rousseff, que afirmou pretender criar um grande mercado de leitores no Brasil. O desafio é enorme, e passa também por mudar o perfil da própria Bienal, que nos últimos anos se tornou um shopping de mercantilização da cultura. No último dia 1º de setembro começou a XV Bienal do Livro, no Rio de Janeiro. A presidenta Dilma fez um discurso animador a respeito do programa de incentivo à leitura que pretende implementar no Brasil. A ideia é que se produzam livros baratos para que maiores camadas da sociedade tenham acesso à leitura, pois é sabido que o Brasil figura entre os países com as taxas mais baixas de leitores do mundo. Recente pesquisa mostrou que nem mesmo entre o seleto grupo de universitários de instituições públicas do país — aqueles que são os mais bem formados, teoricamente — a leitura é uma rotina.  Na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), por exemplo, 23,24% dos estudantes não lee…

32 anos da Lei de Anistia

Imagem
Na mesma semana em que a Anistia Internacional pediu que a presidenta Dilma Rousseff simplesmente a revogue, a Lei da Anistia completa 32 anos sob um clima de contestação. A princípio, com a finalidade de ser o primeiro marco legal da transição democrática no Brasil, serviu para acobertar diversos criminosos de farda a serviço da Ditadura. Cada vez mais a sociedade exige que ela seja revista.

Neste domingo (28/8), completaram-se 32 anos da lei 6.683, mais conhecida como “Lei de Anistia”. Promulgada em 1979 pelo então presidente da ditadura civil-militar, João Baptista Figueiredo, ela tinha por finalidade perdoar de quaisquer sanções os exilados e perseguidos políticos do regime militar, depois de anos de severa e cruel perseguição, tortura e morte, dentro do projeto de abertura política lenta, gradual e segura. Mas, malandramente, com medo de revanchismos, os militares trataram de se proteger juridicamente, dando um jeito de colocar a si mesmos, algozes torturadores, como beneficiár…

Você tem alguma ideia do que seja 114,5 trilhões de dólares em dívida?

Imagem
Esse é o valor do montante do passivo a descoberto* dos Estados Unidos. Recentemente o mundo entrou em pânico ante a possibilidade do calote americano na dívida pública, mas a negociação no Congresso elevou o teto da dívida, salvando momentaneamente a economia mundial da bancarrota. Mas existe a possibilidade de algum país desse mundo conseguir pagar o montante de 114,5 trilhões de dólares algum dia? O sítio usdebt.kleptocracy.us preparou uma série de ilustrações para termos uma ideia clara do que significa tanto dinheiro.

100 Dólares:a nota mais falsificada do planeta. Mantém o mundo em movimento. 10 mil dólares: é o suficiente para boas férias ou para comprar um carro usado. Aproximadamente um ano de trabalho para a média da população mundial. 1 milhão de dólares: não é uma pilha tão grande quanto você imaginava, não é? Mesmo assim corresponde a 92 anos de trabalho para a média da população mundial.


100 milhões de dólares: o bastante para distribuir ao redor para muita gente. Ainda dá…

Por que o Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa não “pega” em Portugal?

Imagem
Dizem que no Brasil, certas leis “pegam” e outras não. Ao que parece, podemos dizer o mesmo com relação ao Acordo Ortográfico, só que em Portugal. O projeto, que tem também o seu viés político e não apenas linguístico, tem críticos de ambos os lados do Atlântico, mas os portugueses apresentam razões muito mais conservadoras e anacrônicas para não apoiarem o acordo. No processo de Independência do Brasil, foi preciso criar os fundamentos da nação brasileira, tal como a noção de pertencimento a uma coletividade nacional, a bandeira, o hino, a literatura em comum e, é claro, a língua. Precisando se distanciar de seu passado português, o Brasil jamais se sujeitou às normas ortográficas portuguesas, preferindo criar as suas próprias. Com o tempo isso deu origem ao “português brasileiro” que temos hoje, e houveram algumas tentativas frustradas de acordo com os lusitanos, como a de 1911, e de 1945, mas nenhuma delas foi tão ampla e consensual como este de 1990. Em 2009, o Acordo entrou em vi…

R$ 30 milhões para sorteio de bolinhas num jarro de vidro

Imagem
Realmente, as autoridades resolveram testar até onde vão as raias de nossa paciência e de nossa letargia, com os sucessivos episódios abusivos envolvendo a Copa do Mundo no Brasil. Desta vez, Prefeitura e Governo do Estado do Rio resolveram bancar com nosso dinheiro a organização do sorteio dos grupos das Eliminatórias na cidade, ao custo de 30 milhões de Reais. Não há limites para a desfaçatez inescrupulosa de nossos políticos. 


O pior é que, durante horas, será fechado o espaço aéreo bem ao lado do Aeroporto Santos-Dumont, e centenas de pessoas não sabem se poderão decolar mais tarde, ou se os voos foram transferidos para o Galeão... uma tremenda falta de respeito com o cidadão.
Não dá pra culpar a população por ela estar tão songa-monga, enquanto os larápios vão roubando tudo o que podem. Durante décadas ela foi condicionada a ficar colada na frente da TV assistindo a Rede Globo, esta mesmo que apoia e lucra com o evento. A única que vem sistematicamente denunciando toda a falca…

Sobre os fundamentalismos religiosos

Em julho de 2011, Anders Behring Breivik, um ativista norueguês da extrema-direita, considerado “fundamentalista” cristão, provocou a morte de 76 pessoas, e feriu quase 100 em dois atentados naquele país. Muito se enfatizou o aspeto extremista de sua conduta, como se fosse um lunático ou alguém que tivesse passado dos limites.Queremos chamar a atenção para para um detalhe importante: quando acontece um caso como esse, é comum a mídia em geral tratar os religiosos que o praticam como fundamentalistas, por serem uma parcela menor com métodos questionáveis dentro de determinada religião, que seria, no seu âmago, boa, pura e inocente. Mas eu vejo de modo um pouco diferente. Na verdade, chamamos de fundamentalistas aqueles que praticam a religião ortodoxamente, rigidamente, fielmente, e portanto, são os verdadeiros religiosos. Explico adiante. Fundamentalistas, na verdade, são religiosos autênticosO fundamentalista religioso (fundamentalismo: "doutrina que defende a fidelidade absolut…